sexta-feira, 29 de março de 2013

Cagece deixa Fortalezenses sem água até teça-feira

André Facó, presidente da Cagece
O presidente da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), André Facó, admitiu na tarde desta sexta-feira, 29, que o abastecimento de água em todos os bairros de Fortaleza só será normalizado na próxima terça-feira.
"O abastecimento nas áreas periféricas, como os bairros da área sul, que já enfrentam dificuldade no abastecimento, será normalizado no início da próxima semana, na segunda ou no mais tardar na terça", admitiu André Facó.
Ele afirmou que as regiões centrais da Capital terão o abastecimento normalizado na madrugada deste sábado. "A normalização do abastecimento dessas áreas mais centrais, como (bairro) Aldeota, acontecerá no decorrer desta madrugada", disse Facó.
André Facó explicou que essa paralisação foi necessária para a melhoria do serviço que a Cagece oferece à população. "Tínhamos que interligar as novas obras de R$ 40 milhões com as antigas. Esse foi o principal motivo dessa parada no abastecimento".
O presidente da Cagece comentou também o motivo da paralisação do abastecimento ocorrer na Semana Santa. "Sabemos que neste feriado muita gente viaja e a paralisação afetaria menos pessoas. Além também de facilitar o retorno no abastecimento de água", afirmou.
André Facó disse ainda que o órgão iniciará, a partir de amanhã, um monitoramento dos bairros que já normalizaram o abastecimento e os que ainda estão em processo de normalização. "Vamos fazer esse monitoramento nesses dias, sempre às 17 horas".

Prazo descumprido
Na manhã desta sexta-feira, 29, a Cagece havia afirmado que o abastecimento de água em Fortaleza voltaria ao normal ainda pela manhã. A assessoria da Cagece chegou a negar informações de que os clientes deveriam ficar sem água até o início da próxima semana.
O atraso no reabastecimento, segundo a assessoria do órgão, ocorreu devido a um defeito no registro de descarga em um trecho de adutora na avenida Pompílio Gomes, no bairro Castelão. "A Cagece pede desculpas à população pelo transtorno e reafirma seu compromisso em trabalhar até que o serviço seja concluído e o abastecimento retomado por completo", disse em nota.
Segundo a companhia, a água chegará às torneiras de todos os clientes gradativamente, à medida que a pressão adequada nas tubulações seja recuperada.
Moradores informam que a água não chegou em vários bairros da cidade e no atendimento à população por telefone, a Cagece informa que a falta de água pode persistir até a terça-feira, 2, em bairros onde há ocorrências de baixa pressão. Quando procura saber se está situado em uma dessas regiões, o cliente fica sem resposta e é orientado a esperar que a água retorne "a qualquer momento" às torneiras.  
A suspensão do abastecimento de água em Fortaleza, Caucaia, Maracanaú e Eusébio teve início na quinta-feira, às 00h, e deveria terminar às 20h de ontem. O serviço foi suspenso para a execução de melhorias no sistema de água, com injetamentos em tubulações e manutenção na Estação de Tratamento de Àgua (ETA) Gavião. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Setor produtivo cearense espera prorrogação de medidas de apoio até 2021

No último dia 1º de julho, o Governo do Estado estendeu o prazo das medidas de apoio às empresas por pelo menos 15 dias, mas empresários qu...